“Minha irmã, a bióloga e bacterologista que chamávamos de Nilda e trabalhava em um hospital público faleceu em 13 de setembro do ano passado de sepse. Ela foi vencida por uma bactéria alojada inicialmente no pulmão. Nilda era muito cuidadosa e se tratava regularmente com um médico que não suspeitou da doença e assim veio a falecer. Muito triste. “”Todos contra a sepse””. Chorar e lutar. Lutar e viver.

Leave A Comment